Chinesa GAC vai investir pesado no Brasil

julho 2, 2024
5 minutos lidos
Chinesa GAC vai investir pesado no Brasil


E mais uma montadora chinesa chegará ao Brasil. Em reunião entre o presidente do GAC, Feng Xingya, e o vice-presidente do Brasil, Geraldo Alckmin, realizada em Pequim (China), a montadora anunciou investimentos no Brasil.

A empresa, uma das maiores do segmento em território chinês, disse que investirá US$ 1 bilhão (R$ 5,65 bilhões, em conversão direta) no país nos próximos cinco anos.

Vídeo relacionado

Como você se lembra do Dentro dos EVs, Alckmin foi à China para estreitar os laços com o país, especialmente no que diz respeito à cooperação económica e comercial. O GAC reforçou seu interesse em aumentar sua presença estratégica aqui. A montadora já possui joint ventures com empresas como Honda e Toyota.

Presidente do GAC, Feng Xingya (à esquerda), e o vice-presidente do Brasil, Geraldo Alckmin (à direita), em reunião realizada em Pequim (China) (Imagem: Divulgação)

O que o investimento do GAC no Brasil incluirá

  • O valor proposto pelo GAC inclui a criação de fábricas, centros de pesquisa e desenvolvimento (P&D), além de armazéns de peças de reposição;
  • Além de impulsionar a produção e venda de seus veículos no Brasil, a montadora pretende contribuir para o desenvolvimento da cadeia automotiva brasileira;
  • Vale ressaltar que a GAC ​​se junta a outras montadoras chinesas que já chegaram por aqui, como BYD e GWM, e outras que estão por chegar, como Neta e Zeekr, entre outras.

O presidente da empresa destacou o compromisso com o mercado nacional e a confiança em oferecer produtos confiáveis ​​e de alta tecnologia aos seus consumidores.

Consulte Mais informação:

Expansão global agressiva

Atualmente, a GAC ​​está classificada em 165º lugar na Fortune Global 500, sendo reconhecida como uma das montadoras mais conceituadas da China. Além disso, a empresa teve bons números em 2023: vendeu 2,52 milhões de veículos e faturou US$ 70 bilhões (R$ 395,96 bilhões).

Nesse sentido, a montadora quer realizar uma grande expansão, visando uma produção e vendas totais de mais de 4,75 milhões de carros e uma receita de 1 trilhão de yuans (US$ 137 bilhões, ou 774,96 bilhões) até 2030.

Um marco importante para a empresa chinesa foi alcançado pela sua divisão elétrica, GAC Aion. A empresa concluiu a construção da sua primeira fábrica fora da China. A fábrica foi construída na província de Rayong (Tailândia).

A inauguração do local ocorreu juntamente com a segunda geração do GAC Aion V, o primeiro modelo GAC Aion projetado para o mercado global.

GAC Aion V está prestes a ser lançado; Chegará ao Brasil? (Imagem: Divulgação)

O Aion V é um SUV que, segundo a fabricante, tem autonomia de 750 km com uma única carga. O carregamento é rápido (370 km de autonomia com 15 minutos conectado). O veículo conta com avançado sistema de assistência à direção com LiDAR, radares e 11 câmeras, além de recarga externa de até 7 kW. No seu país de origem, custará a partir de 149,8 mil yuans (R$ 115,6 mil), um bom preço se comparado a outros VEs que estão em nosso mercado (se custar mais ou menos que no Brasil – e se for vendido aqui).

Ainda não há modelos confirmados para serem vendidos e fabricados no Brasil.





empréstimo empresa privada

consulta bpc por nome

emprestimo consignado caixa simulador

seguro cartão protegido itau valor

itaú portabilidade consignado

simular emprestimo consignado banco do brasil

empréstimo consignado menor taxa

Crédito consignado
Empréstimo na conta de luz cpfl. Simulador emprestimo fgts caixa.